Como ser um guia de turismo: veja o passo a passo para entrar de vez na profissão

Uma das mais importantes decisões a serem tomadas por qualquer pessoa, é a escolha de qual profissão seguir.

Alguns optam por atividades indicadas pelo senso comum ou por aconselhamento familiar, visando uma suposta estabilidade e/ou prestígio social.

Já outras pessoas, preferem seguir a sua vocação e sonho, sem se preocupar com outros fatores que não a satisfação pessoal.

Neste artigo falaremos sobre como ser um guia de turismo, um profissional habilitado para exercer funções marcadas pela paixão pelo que se faz, mas que também pode oferecer ótimos retornos financeiros.

Leia mais, descubra como ser um guia de turismo e entenda porquê se tornar um profissional no mercado turístico pode ser a melhor opção de carreira!

O que é e o que faz um guia de turismo?

O guia de turismo é um importante profissional do mercado turístico e, porque não dizer, um dos mais importantes.

Dentre as suas funções, o guia de turismo fica responsável por guiar turistas em determinadas localidades, sempre explicando a história do local e de monumentos, símbolos, ruínas e outros marcos regionais.

O profissional atua ainda na criação de roteiros, assessorias remotas a viajantes, recepção em serviços de embarque e desembarque, além do monitoramento de caminhadas por rotas e trilhas ideais em passeios por matas, por exemplo.

Guia de turismo e guia turístico: qual a diferença?

Diferença entre guia de turismo e guia turístico
O guia turístico é como um mapa ou panfleto, podendo ser consultado pelo próprio viajante.

Muitas pessoas não sabem e até confundem, mas o guia de turismo não é a mesma coisa que o guia turístico.

Como vimos anteriormente, o guia de turismo é um profissional certificado e especializado na condução de viajantes por locais turísticos.

Enquanto isso, o chamado guia turístico, ou guia de viagem, nada mais é que um folheto, revista ou até material virtual que fala sobre locais turísticos e indica roteiros.

Categorias de guias de turismo

Todo aquele que deseja saber como ser um guia de turismo, deve saber que uma das etapas mais importantes no processo de formação profissional na área é escolher uma categoria de atuação.

É claro que existem os chamados guias de turismo generalistas, que podem guiar pessoas em diferentes tipos de lugares.

Porém, para oferecer uma experiência de qualidade aos seus clientes, o ideal é que o guia seja especialista em um tipo de setor.

Veja a seguir as três principais categorias!

Guia regional (local)

O guia regional, também chamado de guia local, é um profissional especializado em determinada cidade ou região.

Geralmente esse especialista é nativo do local onde trabalha e possui conhecimento prévio sobre história local, atrativos turísticos e muitos outros detalhes.

Guia nacional 

Para ser um guia de turismo nacional o indivíduo precisa gostar de viajar bastante.

Esse tipo de guia possui especialidade em diversos locais do país, podendo ser requisitado para guiar turistas em estados e cidades distantes de onde reside.

No geral é possível encontrar guias de turismo nacionais trabalhando em grandes agências de turismo, onde acompanham grupos de turistas em viagens. 

Guia internacional

O guia internacional atua exercendo suas atividades em contato com pessoas do mundo inteiro, recebendo e guiando turistas vindos de outro país, ou até mesmo atuando diretamente de outra parte do mundo.

É preciso destacar que o profissional precisa ter conhecimento em ao menos uma língua estrangeira, sendo preferível mais de uma, se manter informado sobre o cenário internacional e aberto a novas culturas e vivências.

Quem pode ser um guia de turismo?

Para ser uma guia de turismo é necessário paixão, afinal, o dia a dia da profissão exige uma grande entrega do profissional.

Entre as habilidades necessárias estão o perfil de liderança, boa dicção, gosto por história e geografia, espontaneidade, conhecimentos de psicologia e carisma.

É exigível que o interessado identifique a sua vocação para a área e, em seguida, siga os trâmites legais para se regulamentar na profissão.

Passo a passo para se tornar um guia de turismo

Agora, conheça os degraus que você terá que subir até se tornar um bom guia de turismo. 

Acompanhe abaixo!

Como ser um guia de turismo

1. Alcance a idade mínima e adquira a escolaridade necessária

Assim como muitas outras profissões, um guia de turismo legalizado precisa ter a escolaridade necessária.

O indivíduo deve ter o Ensino Médio completo e ingressar em um curso subsequente que o permita aprofundar os conhecimentos na área, como o curso Técnico em Guia de Turismo.

Para ingressar na profissão também é necessário ser maior de 18 anos, se a categoria escolhida for a de guiar turistas regionalmente, e 21 anos se o profissional optar por ser um guia de turismo nacional ou internacional.

No caso de profissionais que desejem atuar como guia de turismo internacional, é necessário ainda saber outros idiomas e comprovar isso por meio de diplomas e certificados.

2. Legalize-se 

A profissão de guia de turismo está regulamentada desde 1993, quando foi homologada através de um projeto de lei na cidade do Rio de Janeiro.

Desde então, várias adequações foram feitas e hoje em dia algumas exigências legais são feitas para quem deseja atuar no setor.

Quem deseja saber como ser um guia de turismo, precisa, depois de ter a escolaridade necessária na área, ter as seguintes certificações legais:

  • Credencial de Guia de Turismo (expedida pelo Ministério do Turismo);
  • Registro de trabalhador autônomo ou MEI (expedidos e regulamentados pela prefeitura do seu município);
  • Ser cadastrado no Cadastur (Sistema de cadastro de pessoas físicas e jurídicas que trabalham no setor do turismo);
  • Buscar integração no Sindgtur (Sindicato dos Guias de Turismo) do seu estado de atuação.

3. Especialize-se, faça networking e adquira habilidades novas

Se você quer saber como ser um guia de turismo, tenha em mente que para além da burocracia, essa profissão exige aperfeiçoamento pessoal contínuo.

Portanto, mesmo depois de se formar e se regulamentar na área, continue estudando sobre a profissão, sobre a especialidade pela qual você optou e, também, fazendo contato com outros profissionais da área.

Adquirir experiências é uma boa fonte de conhecimento, e atos como a filiação à ABGTUR (Associação Brasileira dos Guias de Turismo), é uma boa forma de estar “enturmado” com outros profissionais do setor.

Todos querem saber: quanto ganha um guia de turismo?

Uma das principais questões levantadas por todos que se interessam por saber como ser um guia de turismo é o fator remuneração.

Antes de tudo, é necessário entender que a maioria dos guias de turismo são profissionais autônomos e, como tais, não possuem remuneração fixa nem salário base. 

Porém, estima-se que, em média, o salário conseguido por um guia de turismo alcance entre R$ 2 mil e R$ 8 mil ao mês, a depender do local de atuação, do tipo de público, da forma de cobrança (diária, semanal, mensal) e alguns outros fatores.

Faça parcerias que alavanquem o seu negócio

Ninguém consegue vencer na vida sozinho, não é mesmo?

Portanto, ao se tornar um guia de turismo propriamente dito, busque ajuda especializada, como a oferecida pelo Paytour.

Nosso sistema oferece as soluções que um guia de turismo precisa para trabalhar em paz e oferecer facilidades aos seus clientes.

Entre em contato!

Compartilhe esse post
Irineu Júnior
Irineu Júnior
Inovar o turismo, potencializando experiências e transformando resultados.

Outros artigos que separamos para você

Como a fotografia pode ajudar sua empresa de turismo no pós crise

Boas fotografias são essenciais para conquistar o seu público no ato da compra online, e pós pandemia, mais do que nunca, a sua empresa de turismo não pode ficar de fora quando o assunto trata-se do novo normal.

LEIA MAIS →

Você já pensou em ser um líder?

Um líder tem como papel inspirar os outros, influenciando as ações, decisões e comportamentos de maneira positiva. Um bom líder sempre está compartilhando seus conhecimentos com seus colegas, buscando apresentar soluções aos problemas das operações, trabalhando em conjunto com a equipe. Uma pessoa que possui o espírito de liderança, tem uma combinação de habilidades, competências […]

LEIA MAIS →

Conheça vantagens das maquininhas de cartão

      O uso de cartões de créditos e débitos vem crescendo cada vez mais no mercado brasileiro. Segundo pesquisa feita pelo Banco Central, em 2019, havia 123 milhões de cartões de crédito e 132 milhões de cartões de débito ativos, representando aumento de 18% e de 14%, respectivamente, em relação a 2018.   […]

LEIA MAIS →
Ainda não vende seus atrativos na internet?
Clica aqui que a gente te liga